quarta-feira, 29 de abril de 2009

É muito bom ser íntimo da cidade


É muito bom ser íntimo da cidade e resolver questões rapidamente por conhecimento de causa. Eu estou há pouco mais de 1 mês procurando cds do U2 para presentear 4 maravilhosas por ter participado do meu blog de inglês, o Learn English with Kisa. (Vá lá ver quem são as ganhadoras - espero ter fotos delas essa seman com o cd...rs). Até que de repente não conseguia ter tempo de ir à Lojas Americanas e quando tive lá na semana da promoção (para comprar os cds antes do resultado), não tinha. Só tinha DVD e nem todo mundo gosta de ver show como eu e Fofo, né? Então pensei...onde vou achar??????????? Nada me vinha à cabeça. Passei pela quase gravidez, repouso e liberação do repouso por não ter desenvolvido a gravidez e "I feel blue" total, mas estou ouvindo a coletânea do U2 (amo coletâneas, pois só tem "hits"), que eu taaaaaaaaaanto queria presentear minhas "very kind" participantes de promoção. Então hoje, eu fui para o Rio e retomei algumas atividades, como dar aula de inglês no centro da cidade e após ter feito um "checklist" de coisas que não podia deixar de fazer para não perder a visita ao Rio, eu fiquei pensando como iria até a loja, já que estava ocupada. Eis que um café da manhã sensacional com meu parceiro de trabalho, o melhor analista de sistemas do mundo, eu pensei: "Cara, eu corto caminho em uma galeria que tem um monte de lojas". Então, desencanei da loja Americana e aí fui procurar e nada. Mas isso me impressionou porque é algo tão simples, que eu já poderia ter feito...olhado em volta, mudado o prisma...e isso acontece com várias coisas em nossas vidas. Por que tinha que ser lá e não em outro lugar mais a mão? Vi que tava empacada...cruzes! Como dizia Chico Science: "Um passo a frente e você já não está no mesmo lugar" ou algo do tipo...e foi isso que aconteceu. Então, fui dar minha aula olhando em volta, no percurso todo e lembrei de uma super "loja" de cd, que o meu sócio adora...que na verdade meu primo roqueiro adora, e que na verdade é uma Banca de Jornal na São José. Qualquer dia tiro foto, entrevisto o Eduardo (acho que ele é argentino). O cara tem um acervo musical e de filmes totalmente "vintage" e charmoso. Perguntei se havia o cd, ele olhou uma lista e localizou. Mas eu disse: "preciso de 5" e ele riu. Enfim, blogueira que faz promo, é assim! Bem, ele ligou para alguém e combinou de entregar os dois restantes e resolveu minha vida. Falou que consegue o que eu precisar. Chic, né? Adoro serviço personalizado e quando tiver que dar presente pra alguém legal, já sei onde ir. Isso é o que dá conhecer o seu bairro, a sua cidade, você ganha tempo na hora de resolver coisas assim. Depois lembrei do mercado informal em frente ao prédio do meu trabalho. Então, comprei o Ferrero Rocher que devia pra Nana. Tudo em menos de 15 minutos e sem andar léguas até ir às Americanas. Foi só raciocinar. Aí, percebi que tem de tudo em volta, nos camelôs e me dei conta que por usar o dinheiro de plástico (débito ou crédito) para quase tudo, acabo não usando muito os camelôs. Mas eles quebram um galhão. O ideal seria formalizar e incentivar esses pequenos empresários, o que você acha?

Ps1: O lindo da foto é meu primo aniversariante do mês que seria o dono da Cidade, pois saca de networking como ninguém.

Ps2: Se não entendeu as expressões em inglês, tá esperando o que para contratar minhas aulas particulares? See you!

Ps3: Visite a loja/banca de Jornal - Rua São José 66 - 2240-1158 -Fale com Eduardo (a propaganda não é combinada, ok?)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário que prometo responder.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...